mentiras

 


Escute enquanto lê:

Relaxa, eu não vou revelar a sua farsa. 

Seu segredo está seguro comigo, você pode confiar. Eu não vou escrever um texto sobre você em um site com tantos seguidores. Não, jamais! Eu não vou falar sobre o modo como você me tratou ou sobre seus truques mal elaborados. Eu não vou contar que caí na sua, mas não caio mais. Não vou contar pra todas aquelas meninas o quão fútil, superficial e egoísta você é. Relaxa, você ainda pode pagar de bonzinho/misterioso, eu deixo. Eu deixo você sair por aí, com esse andar imponente e essa fala hipnotizante. Eu não vou dizer à elas quem você realmente é quando deixa a máscara cair.

Ou será que vou?

Será que eu seria mesmo capaz de escrever sobre você? Sobre os encontros? Sobre a forma como você virou lobo mau e eu precisei correr para longe antes que você assoprasse minha casa e eu me perdesse pelos ares? Será? Não, imagina! Eu nunca acabaria com a sua fama sabendo o quanto você preza por ela. Não acabaria com a sua imagem tão bem desenhadinha, polida e retratada. Eu não seria capaz. Você lutou pra manter esse humor ácido, esse lado sexy e encantador. Você lutou para atrair todas aquelas mulheres para o seu covil, não foi?

Será que eu posso exterminar você?

Ah, posso sim. Mas não, RELAXA, eu não faria isso. Eu não vou dizer que primeiro, você é super engraçado e envolvente. Não vou dizer que você esconde seu lado obscuro dando aquela risada gostosa só pra que a gente não note. Não vou contar que você, na verdade, não é misterioso. É apenas um cara procurando por diversão e fingindo ser alguém melhor do que realmente é. Não vou dizer que vocês cria piadas internas, que faz parecer que o mundo pode girar com a gente de uma outra forma e que fez parecer para mim que eu era a única, quando não era.

Eu não vou contar que você me fez sentir especial, que disse que gostava de mim e que na primeira oportunidade que teve, meteu o pé. Não vou contar que você aprendeu mesmo como se faz um marketing pessoal e que o seu, é bom.

Mas é propaganda enganosa.

Não vou dizer que você me levou em um encontro maravilhoso – ou em vários – mas que na hora em que eu fui parar nas suas mãos, você me esmagou e jogou no lixo. Não vou dizer que você fez tudo isso de uma forma “delicada” apenas pra manter a boa impressão. Não vou dizer que você fingiu honestidade em palavras doentias recheadas apenas de hostilidade.

Relaxa, eu não vou revelar a sua farsa. Ninguém vai saber.

Não vou contar que seu motivo para ir embora foi tão podre quanto você se mostrou ser.  Não vou contar que você é preconceituoso, mentiroso e BEM aproveitador. Não vou dizer que seu ego é tão grande que não tem espaço para amor aí dentro. Não vou dizer o que você me disse.

Pera aí.. o que foi mesmo? “Temos sintonias diferentes, mas você é menina SENSACIONAL” e depois “É que na verdade, eu só fico com mulheres beeeem magrinhas, sabe?”

Ah, é.. foi isso. Mas relaxa, ninguém vai saber. Você pode continuar usando seu joguinho emocional, fazendo com que a gente se apaixone apenas para aumentar o vazio que você tem em ti. Não vou destruir seus planos de conquistar e deixar pra lá.

Relaxa, ninguém vai saber que você não é isso tudo e que na verdade, você sair da minha vida foi um livramento. Eu não vou contar que você é manipulador e só liga pro próprio umbigo. Ou pros bíceps.

Seus 600 matchs no tinder não precisam saber que você, na verdade, é um espaço em branco igual a sua bio.

Eu não vou revelar a sua farsa (eu só vou fazer este post)

 

1 comentário

20 anos de muita história para contar, autora do blog duzentaslinhas.com.br, residente do país das maravilhas e escritora nas horas vagas - nas outras também. Geminiana, sonhadora, avoada, estudante de psicologia, especialista em matérias impossíveis e completamente apaixonada por pessoas, flores e tudo que há de belo no mundo. Acredita em fadas, sereias e em um amor que cura todos os males. Quer conversar comigo pelas redes sociais? Fácil, só me chamar em @duzentaslinhas  Ou quer desabafar secretamente? Me chama no snap duzentaslinhas ou pode me mandar sua história pelo e-mail duzentaslinhas@gmail.com (juro que sou boa em conselhos)